Ronnie Von - Discos da Fase Psicodélica


Começou sua carreira na época da Jovem Guarda (embora nunca tenha participado no programa apresentado por Roberto Carlos, Erasmo e Wanderléia), obtendo grande sucesso com as canções A praça (de autoria de Carlos Imperial) e Meu bem (uma versão em português do próprio Ronnie para a música Girl dos Beatles). Em 1966, apresentou na TV Record o programa "O Pequeno Mundo de Ronnie Von", no qual interpretava um personagem baseado no livro O pequeno príncipe, herói da literatura infantil. A partir daí ficou conhecido como "O pequeno príncipe", apelido que o acompanhou durante alguns anos, também como uma forma de comparação ao apelido de "Rei" dada a Roberto Carlos, já que a mídia na época tinha criado um clima de rivalidade entre os programas dos respectivos cantores.

"O Pequeno Mundo de Ronnie Von" ganhou um certo destaque na mídia, atraindo artistas diferentes daqueles dos quais o programa Jovem Guarda costumava receber, dentre eles os futuros tropicalistas: Caetano Veloso, Gilberto Gil e Os Mutantes. Estes últimos, após sua primeira apresentação, ainda conhecidos como "Os Bruxos", viraram atração permanente no programa, tendo em seguida mudado o nome do grupo para "Os Mutantes", pois nem Rita e os irmãos Baptista estavam satisfeitos com o nome. De acordo com Carlos Calado, a ideia veio do diretor do programa, com um tom de brincadeira, já que Ronnie na época estava lendo "O império dos Mutantes" e não falava em outro assunto.

No final da década de 60, Ronnie gravou três discos que são verdadeiras relíquias na história da música brasileira. Abusando da psicodelia, muito influenciado por Beatles e antenado com o rock feito na época, Ronnie Von grava um disco homônimo, o A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre Contra o Império de Nunca Mais e Máquina Voadora. Por contar com o desapontamento da gravadora, que na época acreditou que os discos não eram comerciais, fizeram pouco sucesso à época. Hoje, são comprados por pequenas fortunas por colecionadores.

Texto: Wikipédia


Discos da Fase Psicodelica do Ronnie Von 
 
Senha dos arquivos: brrock



Ronnie Von (1968)
01. Meu Novo Cantar
02. Chega de Tudo
03. Espelhos Quebrados
04. Silvia: 20 Horas, Domingo
05. Menina de Tranças
06. Nada de Novo
07. Lábios que Beijei
08. Esperança de Cantar
09. Anarquia
10. Mil Novecentos e Além
11. Tristeza Num Dia Alegre
12. Contudo Todavia
13. Canto de Despedida



A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre Contra o Império de Nuncamais (1969)
01. De Como Meu Herói Flash Gordon Irá Levar-me de Volta a Alfa do Centauro, Meu Verdadeiro Lar
02. Dindi
03. Pare de Sonhar Com Estrelas Distantes
04. Onde Foi
05. My Chérie Amour
06. Atlântida
07. Por Quem Sonha Ana Maria
08. Mares de Areia
09. Regina e o Mar
10. Foi Bom
11. Rose Ann
12. Comecei Uma Brincadeira



A Máquina Voadora (1970)
01. A Máquina Voadora
02. Baby de Tal
03. O Verão nos Chama
04. Seu Olhar no Meu
05. Imagem
06. Continentes e Civilizações
07.  Viva o Chopp Escuro
08. Enseada
09. Tema de Alessandra
10. Águas de Sempre
11. Cidade
12. Você de Azul



Senha dos arquivos: brrock



2 comentários:

  1. Espetacular este Blog! Parabéns moçada

    ResponderExcluir
  2. Não conheço o trabalho dele, mas se é o contrário do que era feito na época, já ta valendo.
    Obrigado pela postagem.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.