Os Paralamas do Sucesso - Discografia


Tudo começou quando Herbert e Bi Ribeiro se conheceram. Herbert convenceu Bi a comprar um baixo e eles então começaram a ensaiar na casa da Vovó Ondina, avó do Bi, já falecida. Após um tempo eles conhecem Vital, o primeiro baterista. E começam a tocar na Universidade Rural, onde estudavam.
João Barone entra na história da banda quando assiste e gosta muito de uma apresentação dos Paralamas na Universidade Rural. E, graças a uma falta de Vital a um show de um Festival Universitário em 17 de setembro de 1981, Barone assume a batera dos Paralamas. Esta falta até hoje, não possui uma explicação. O responsável pela apresentação de Barone aos Paralamas foi o Super, amigo comum entre Barone e Bi Ribeiro.


O entrosamento foi instantâneo e logo os 3 largam suas carreiras universitárias para se dedicar a música. Herbert cursava Arquitetura, Bi cursava Zootecnia e o Barone, Biologia. Começam então a tocar em bares undergrounds do Rio.

O profissionalismo da banda começou a ganhar força quando Herbert conhece Maurício Valladares (que está com os Paralamas até hoje) no Western Club. Este, leva uma fita demo da banda à Rádio Fluminense-RJ (uma rádio reveladora de talentos e destinada ao pop/rock da época). Esta demo, continha 4 músicas e foi muito bem executada, caindo nas graças dos ouvintes: Vital e Sua Moto, Patrulha Noturna, Encruzilhada Agrícola-Industrial e Solidariedade Não.

Na primeira vez que se apresentaram em uma estação de rádio no Rio de Janeiro, na Fluminense FM, os Paralamas tocaram, Encruzilhada Agrícola Industrial, Patrulha Noturna e Vital e sua Moto. O programa teve a apresentação de Liliane Yusim. Na época, a banda ainda tinha outras músicas, como: Reis do 49, Pingüins, Mandingas de Amor e Rodei de Novo.

Posteriormente houve uma apresentação do grupo no Circo Voador-RJ. Na ocasião eles abriram o show do amigo Lulu Santos. Então, em 1983 a banda assina com a EMI (gravadora dos Paralamas até hoje) e lança o primeiro disco, Cinema Mudo.

Um dos grande marcos na carreira da banda ocorre em 1985 com o lançamento do disco Selvagem?. O disco marca a fusão do rock com a MPB e o "tropicalismo africano" de Gilberto Gil. O grupo recebe duras críticas da imprensa e até mesmo de outras bandas. Mesmo assim, não se intimida e e o disco vende quase 700 mil cópias.

No início da década de 90, os Paralamas passavam por uma grave crise no Brasil. Os 2 discos, Os Grãos (1991) e Severino (1994) não foram bem aceitos pelo público e pela crítica, especialmente o último, onde os Paralamas foram duramente malhados. Por outro lado, conquistaram fãs na América Latina, especialmente na Argentina, onde todos os seus shows acontecem sempre com casa lotada.

Os Paralamas sempre se caracterizam por serem uma banda de atitude e personalidade. Não se intimidam com críticas, evitam ao máximo atitudes comerciais, respeitam os seus fãs. Talvez esta seja a explicação e a fórmula para o sucesso do grupo. Vida longa aos Paralamas!
 
 

Discografia 
 
Senha do arquivo: brrock


Cinema Mudo (1983)
01. Vital E A Sua Moto
02. Foi o Mordomo
03. Cinema Mudo
04. Patrulha Noturna
05. Shopstake
06. Vovó Ondina É Gente Fina
07. O Que Eu Não Disse
08. Química
09. Encruzilhada
10. Volúpia


O Passo do Lui (1984)
01. Óculos
02. Meu Erro
03. Fui Eu
04. Romance Ideal
05. Ska
06. Mensagem de Amor
07. Me Liga
08. Assaltaram a Gramática
(Part. Lulu Santos)

09. Menino e Menina
10. O Passo do Lui


Selvagem? (1986)
01. Alagados
02. Teerã
03. A Novidade
04. Melô do Marinheiro
05. Marujo Dub
06. Selvagem
07. A Dama e o Vagabundo
08. There's a Party
09. O Homem
10. Você
11. Teerã Dub


D (1987)
01. Será Que Vai Chover?
02. Alagados
03. Ska
04. Óculos
05. O Homem
06. Selvagem
07. Charles, Anjo 45
08. A Novidade
09. Meu Erro
10. Será Que Vai Chover? (Versão Estúdio)


Bora-Bora (1988)
01. O Beco
02. Bunda Lê Lê
03. Bora-Bora
04. Sanfona
05. Um a Um
06. Fingido
07. Don't Give Me That
08. Uns Dias
09. Quase Um Segundo
10. Dois Elefantes
11. Três
12. Impressão
13. O Fundo do Coração
14. The Can


Big Bang (1989)
01. Perplexo
02. Dos Restos
03. Pólvora
04. Nebulosa do Amor
05. Vulcão Dub
06. Se Você Me Quer
07. Rabicho do Cachorro Rabujento
08. Esqueça o Que Te Disseram Sobre o Amor
09. Lanterna dos Afogados
10. Bang-Bang
11. Lá em Algum Lugar
12. Jubiabá
13. Cachorro na Feira


Os Grãos (1991)
01. Tribunal de Bar
02. Sábado
03. Tendo a Lua
04. Os Grãos
05. Carro Velho
06. Vai Valer
07. Trac Trac
08. O Rouxinol e a Rosa
09. A Outra Rota
10. Dai-nos
11. Ah, Maria
12. Não Adianta
13. Trinta Anos


Severino (1994)
01. Não Me Estraque O Dia
02. Navegar Impreciso
03. Varal
04. Réquiem Do Pequeno
05. Vamo Batê Lata
06. El Vampiro Bajo El Sol
07. Músico
08. Dos Margaritas
09. Rio Severino
10. Cagaço
11. O Amor Dorme
12. Go Back
13. Casi Un Segundo


Vamo Batê Lata (1995)
01. A Novidade
02. Dos Margaritas
03. Vamo Batê Lata
04. Alagados
05. Caleidoscópio
06. Meu Erro / Soul Sacrifice
07. Trac-trac
08. O Rio Severino / Paraíba
09. Lanterna Dos Afogados
10. Um a um
11. Você / Gostava Tanto de Você
12. O Beco
13. Romance Ideal
14. Não Me Estrague o Dia / Sol e Chuva
15. Uma Brasileira
16. Saber Amar
17. Luis Inácio (300 Picaretas)
18. Esta Tarde


9 Luas (1996)
01. Lourinha Bombril
02. Outra Beleza
03. La Bella Luna
04. De Música Ligeira
05. Capitão de Indústria
06. O Caminho Pisado
07. Busca Vida
08. O Caroço da Cabeça
09. Sempre Te Quis
10. Seja Você
11. Na Nossa Casa
12. Um Pequeno Imprevisto


Hey Na Na (1998)
01. Por Sempre Andar
02. Depois da Queda O Coice
03. O Trem da Juventude
04. Brasíli
05. O Amor Não Sabe Esperar
06. Ela Disse Adeus
07. Scream Poetry
08. Viernes 3 am
09. Um Dia Em Provença
10. Santorini Blues


Titãs & Paralamas - Sempre Livre Mix: Juntos ao Vivo (1999)
01. Lanterna dos Afogados
02. Nem 5 Minutos Guardados
03. O Beco
04. Diversão
05. Ska
06. Lugar Nenhum
07. Pólvora
08. Comida
09. Entrevista Titãs e Paralamas
10. Jingle Sempre Livre


Acústico MTV (2000)
01. Vulcão Dub/Fui Eu
02. O Trem da Juventude
03. Manguetown
04. Um Amor, Um Lugar
05. Bora-Bora
06. Vai Valer
07. I Feel Good/Sossego
08. Uns Dias
09. Sincero Breu
10. Meu Erro
11. Selvagem
12. Brasília
13. Tendo A Lua
14. Que Pais É Este
(Legião Urbana cover)

15. Navegar Impreciso
16. Feira Moderna
17. Lourinha Bombril (Parate Y Mira)
18. Vamo Batê Lata
19. Life During Wartime
20. Nebulosa do Amor
21. Caleidoscópio


Longo Caminho (2002)
01. O Calibre
02. Seguindo Estrelas
03. Longo Caminho
04. Soldado da Paz
05. Cuide Bem do Seu Amor
06. Amor Em Vão
07. Flores No Deserto
08. Running On The Spot
09. Flores E Espinhos
10. La Estación
11. Hinchley Pond


Uns Dias Ao Vivo (2004)
Disco 1
01. O Calibre
02. Running On The Spot
03. Trac- Trac (Track Track)
04. Mensagem de Amor
05. Selvagem
06. Soldado da Paz
07. Que País É Este
08. Seguindo Estrelas
09. Meu Erro
10. Cuide Bem do Seu Amor
11. Longo Caminho
12. Tendo a Lua
13. Será que vai chover/Assaltaram a Gramá

Disco 2
01. Dos Margaritas
02. Depois da Queda o Coice
03. Ska
04. La Bella Luna
05. Uns Dias
06. Caleidoscópio
07. Ela Disse Adeus
08. Lanterna dos Afogados
09. Uma Brasileira
10. O Beco
11. Alagados
12. Lourinha Bombril (Parate y Mira)
13. Mensagem de Amor


Hoje (2005)
01. 2A
02. Pétalas
03. Na Pista
04. Soledad Cidadão
(Part. Manu Chao)

05. Passo Lento
06. De Perto
07. Ao Acaso
(Part. Marcelinho da Lua)

08. Hoje
09. Fora do Lugar
(Part. Andreas Kisser)

10. 220 Desempregado
11. Ponto de Vista
(Part. Andreas Kisser)

12. Deus Lhe Pague
13. Ao Acaso Dub


Rock in Rio 1985 (2007)
01. Mensagem de Amor
02. Assaltaram a Gramática
03. Patrulha Noturna
04. Inútil
05. Fui Eu
06. Cinema Mudo
07. Meu Erro
08. Óculos
09. Ska
10. Vital e Sua Moto
11. Química


Paralamas e Titãs - Juntos e Ao Vivo (2008)
01. Diversão
02. O Calibre
03. Marvin
04. Selvagem / Polícia
05. Uma Brasileira
06. A Novidade
07. Homem Primata
08. Lourinha Bombril (Parate Y Mira)
09. Cabeça Dinossauro
10. A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana
11. O Beco
12. Trac-Trac (Track Track)
13. Go Back
14. Comida
15. Lugar Nenhum
16. Óculos
17. Sonífera Ilha
18. Meu Erro
19. Flores


Brasil Afora (2009)
01. Meu Sonho
02. Sem Mais Adeus
(Part. Carlinhos Brown)

03. A Lhe Esperar
04. El Amor (El Amor Después Del Amor)
05. Quanto ao Tempo
06. Aposte em Mim
07. Mormaço
(Part. Zé Ramalho)

08. Taubaté ou Santos
09. Brasil Afora
10. Tempero Zen
11. Tão Bela
12. O Palhaço


Multishow Ao Vivo Brasil A Fora (2011)
01. Intro / Sem Mais Adeus
02. Pólvora
03. O Beco
04. Cuide Bem Do Seu Amor
05. Romance Ideal
06. Tendo A Lua
(Part. Pitty)

07. Meu Sonho
08. A Lhe Esperar
09. Mormaço
(Part. Zé Ramalho)

10. O Rio Severino
11. Caleidoscópio
12. Uns Dias
13. A Novidade
14. Quanto Ao Tempo
15. Uma Brasileira
16. Óculos


Multishow ao Vivo: Os Paralamas do Sucesso 30 Anos (2014)
01. Alagados
02. Patrulha Noturna / Cinema Mudo / Ska
03. Mensagem De Amor
04. Cuide Bem Do Seu Amor
05. Busca Vida
06. Saber Amar / Romance Ideal
07. Quase Um Segundo
08. Meu Erro
09. óculos
10. Lanterna Dos Afogados
11. Ela Disse Adeus
12. Melô Do Marinheiro
13. Uma Brasileira
14. O Beco
15. Lourinha Bombril ( Parate Y Mira)
16. Aonde Quer Que Eu Vá
17. Caleidoscópio
18. Vital E Sua Moto / Don’t Stop So Close To Me / Every Breath You Take


Sinais do Sim (2017)
01. Sinais do Sim
02. Itaquaquecetuba
03. Medo Do Medo
04. Não Posso Mais
05. Teu Olhar
06. Contraste
07. Cuando Pase El Temblor
08. Corredor
09. Blow The Wind
10. Olha A Gente Aí / Citação do poema: Ó Sino Da Minha Aldeia
11. Sempre Assim


Senha do arquivo: brrock

20 comentários:

  1. Opa, só avisando que os discos Hoje e Longo caminho estão sem as faixas de abertura: O Calibre e A 2, respectivamente.

    ResponderExcluir
  2. Passei só pra agradecer.
    muito obrigado pelos albums. parabéns!! ótimo Blog....

    ResponderExcluir
  3. a faixa 01 do disco Brasil Afora (2009) esta faltando. parabens pelo blog.

    joel

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo este acervo, isso só fortalece o rock brasileiro...obrigadoo

    ResponderExcluir
  5. show parabéns pelo blog, falta a coletânea Arquivo II 1991-2000

    ResponderExcluir
  6. muito bom esse blog! esta de parabéns!as vezes é difícil encontrar alguns álbuns dessas incríveis bandas nacionais!valeu!!!!

    ResponderExcluir
  7. codifica o cu da mãe caralho !
    disponibiliza o bagulho pra baixar pra que se tu coloca senha no arquivos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já que você foi ignorante vou ser também. Como você é burro cara!

      A senha está na postagem, no topo do blog e nos comentários. Aprenda a ler antes de criticar dessa maneira.

      Excluir
  8. Álbuns fantásticos, principalmente os três primeiros que se tornaram de vital importância a consagração do rock nacional como fenômeno musical e cultural na década de 1980. Parabéns.

    ResponderExcluir
  9. Posta o cd do Sempre Livre - Avião De Combate, Por favor se for possível!

    ResponderExcluir
  10. Obrigado por lembrar desse dinossauro vivo do rock nacional... excelente trabalho..

    ResponderExcluir
  11. a senha brrock nao está funcionando para o brasil afora

    ResponderExcluir
  12. Parabéns pelo Blog, mas tá faltando Tianastácia fica a dica.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.